TRIBUNAL DE JUSTIÇA MAÇÔNICA – TJM

Instalado em 10/01/1899, tendo presentes em sua Primeira Reunião os Irmãos James Franco de Oliveira e Souza – Presidente, Manoel André da Rocha, Germano Hasslocher, Affonso Hebert, Francisco de Oliveira Neves, Carlos Otto Schilling, Epaminondas Brasilino Ferreira e João Damasceno Ferreira.

O Tribunal de Justiça Maçônica tem a sua sede em Porto Alegre e sua Jurisdição abrange a do GORGS e é constituído por nove Juízes titulares, podendo esse número ser elevado por iniciativa do próprio Tribunal e com a deliberação da Assembleia Legislativa.

São condições para o exercício da função de Juiz que o Irmão conte com mais de cinco anos no grau de Mestre, tenha mais de trinta anos de idade, seja bacharel em Direito e tenha abalizados conhecimentos maçônicos.

Os Juízes do Tribunal de Justiça Maçônica serão escolhidos, para cada vaga, pela Assembleia Legislativa de lista tríplice encaminhada pelo Grão-Mestre.

É vedado ao juiz exercer qualquer outro cargo maçônico, inclusive cargo eletivo em Loja.

O Egrégio Tribunal de Justiça Maçônica é dirigido por um Presidente, um Vice-Presidente e um Corregedor.

Presidente David Pereira Garcia Júnior
2021/2022

EQUIPE

Huberto Martins Rosa

CONTATO

TELEFONE: 51 3095-1612
E-mail: [email protected]

X

[lbg_audio11_html5_shoutcast settings_id='1']