Maçonaria sem fronteiras entre Brasil e Uruguai

. .

A Loja “Acácia Vitoriense”, de Santa Vitória do Palmar, sediou o 1º Encontro Binacional envolvendo maçons da 18ª Região Maçônica do GORGS e do Polo de Desarollo Masónico del Este (Polo de Desenvolvimento Maçônico do Leste) da Gran Logia de la Masonería del Uruguay (Grande Loja do Uruguai).

No encontro, foi assinado um tratado de mútua fraternidade, união e cooperação, além de garantir que o evento seja repetido anualmente uma vez em cada país, sendo o encontro de 2020 já marcado para ocorrer em solo uruguaio.

O Grão-Mestre Adjunto do GORGS Antônio Carlos Lampert prestigiou o evento e foi um dos signatários do documento, juntamente com o Grão-Mestre da Grande Loja do Uruguai José Garchitorena, o Venerável-Mestre da Loja “Acácia Vitoriense” Sebastián Diano, o delegado da 18ª Região Maçônica Abel Souto Cruz e o presidente do Polo de Desenvolvimento Maçônico do Leste da Maçonaria uruguaia Fernando Dutuor. O ministro das Relações Exteriores do GORGS Cássio Fernando Willrich também esteve presente.

O Encontro Binacional é um marco de extrema importância, não apenas para a região sul do RS, mas para o GORGS e a Maçonaria do Brasil e do Uruguai.

Fotos: Delegacia 18ª R∴M∴

Maçonaria sem fronteiras entre Brasil e Uruguai

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *