Harmonia entre os Poderes: PALM homenageia o Grão-Mestre Celito Cristofoli

. .

Na noite desta sexta-feira (5), a Assembleia Legislativa Maçônica – PALM – realizou sua sessão ordinária mensal. Na pauta, além de assuntos importantes para as lojas e os maçons do Grande Oriente do Rio Grande do Sul, uma homenagem ao seu ex-presidente e atual Grão-Mestre Celito Cristofoli. O Grão-Mestre Adjunto Antônio Carlos Lampert, o presidente do Tribunal Eleitoral Maçônico Lucídio Inácio Valoni Ávila e o presidente da Fundação São João Paulo Renato Novo Moreira prestigiaram o ato, que teve a presença de mais de uma centena de irmãos entre deputados e visitantes.

O presidente da PALM Marcus Vinícius Bortolotto realizou a abertura dos trabalhos um pouco depois das 19h, o que não é habitual, dada a pontualidade do parlamento. Nesta noite, entretanto, era justificável: o homenageado fora presidente da Casa até poucas semanas atrás e agora voltava na condição de Grão-Mestre. Entre abraços, apertos de mão e muitas lembranças, os deputados cumprimentavam o G.M. Celito a cada passo que este executava em direção ao plenário, na sua chegada. Todos fizeram questão de parabenizá-lo pelo honroso cargo conquistado nas urnas.

Após a abertura do Livro da Lei pelo orador Fábio Lara e de entoarem o hino nacional, tendo ao lado os vice-presidentes Ademeir Borges do Amaral e Artur Marineu Dutra, o presidente da PALM e o Grão-Mestre descerraram a fotografia na galeria de honra dos presidentes. O G.M. Celito Cristofoli assumiu a PALM em 2018 e deixou o cargo em junho passado. Ainda, em respeito ao seu trabalho na presidência, o G.M. foi agraciado com uma placa.

O presidente Marcus Bortolotto aproveitou a oportunidade para prestar agradecimento aos irmãos que colaboraram para a perfeita realização da cerimônia de posse do Grão-Mestrado, ocorrida em 24 de junho. Receberam “Diploma de Agradecimento e Estima” os irmãos Fábio Lara, Ademir Amaral, Artur Marineu, Luiz Eduardo Miranda, Carlos Enrique Rodriguez, Jorge Fonseca, Egídio Farias, Alcionis Menezes, Fernando Koehler, Romeu Ruter, Fábio Silveira, Maurício Gafforelli e Nilton Andrade.

Em breves palavras, o Grão-Mestre agradeceu as homenagens prestadas, manifestando sua alegria pelo carinho dos irmãos deputados, lembrando que teve um forte apoio do seu então 1º vice-presidente, Irmão Marcus Vinicius Bortolotto. “A Assembleia tem a sua história e ela é parte importante da história do GORGS; sem o Poder Legislativo, fiscalizando e legislando na medida certa, o GORGS certamente não seria tão grandioso”, defendeu o Grão-Mestre.

Sob efusivos aplausos, apresentou parte de sua equipe de trabalho, enfatizando que muitos deles estão trabalhando, graciosamente, cerca de 8h a 10h por dia para resolver os problemas encontrados. Para ilustrar, revelou um caso ocorrido na noite anterior, quando um irmão do interior do estado entrou em contato para resolver uma questão ocorrida com sua filha em Cancún, no México. Após conversa com o ministro das Relações Exteriores Cassio Fernando Willrich, a situação foi sanada e a sobrinha foi plenamente atendida. “Com disposição em resolver, o nosso ministro conseguiu atender a necessidade de um irmão. É esse o nosso propósito e é isso que devemos continuar fazendo. Felicidade, paz e harmonia é o que desejamos”, sentenciou.

A equipe do Poder Executivo presente contou com os irmãos Daniel Furtado, ministro da Administração, Pedro Vitorino Cordeiro Vargas, ministro adjunto da Administração, Cássio Fernando Willrich, ministro das Relações Exteriores, João Álvaro Francisco, ministro do Patrimônio, Cleonir Bassani, ministro adjunto do Patrimônio, Irineu Alves Santos Filho, diretor do departamento de Assuntos Paramaçônicos, Irineu José Hamester, grande procurador do GORGS, Diogo Brittes da Luz, 1º subprocurador, e os integrantes do Ilustre Conselho Pedro Acceta Erguy, Armando Resende Filho, Egles Martins, Oscar Arejano Net eRui José Faé.

Fotos: Ir. Rodrigo Reus/Com.Social GORGS

PALM homenageia o Grão-Mestre Celito Cristofoli

One Comment

Wanderley Bica

Muito estranho e tendencioso, o título dessa matéria ” HARMONIA ENTRE PODERES “, ora essa, mais apropriado seria VOLTA O RESPEITO E DIGNIDADE ENTRE OS PODERES .

Reply

Deixe uma resposta para Wanderley Bica Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *